sexta-feira, 11 de setembro de 2009

II Setembro



Como já o disse, aquando da morte do Michael Jackson, todos nós nos lembramos onde estávamos no dia em que algo de trágico/extraordinário aconteceu.

Hoje faz 8 anos do acontecimento que mudou o mundo. A maior potência do mundo foi atacada de forma cirúrgica e devastadora.

Vou deixar de parte as minhas considerações sobre este assunto. Cada um pensa o que quer. No entanto, não posso deixar de referir o curioso facto de nunca terem apanhado o malvado do senhor Osama Bin Laden, mas sim, terem apanhado uma cassete no meio do deserto do Afeganistão (em Jalalabad) que continha a confissão gravada do próprio Osama Bin Laden a referir-se aos ataques de 11 de Setembro.

Curioso também foi o facto do Senador Ron Wyden vir logo dizer que a cassete veio a retirar quaisquer dúvidas que certos países tinham, como o Paquistão, de que os ataques de 9/11 foram um embuste criado por Israel para dar a justificação necessária aos EUA para atacarem os países islâmicos. O Paquistão foi o país errado a suspeitar uma coisa dessas.

Sabem quem é que devia ter suspeitado disso?
O Iraque.

Mas já me estou alongar muito. O ataque aconteceu e o mundo mudou. As guerras já não são travadas em trincheiras mas sim individualmente onde já não se consegue distinguir qual é o bom e qual é o mau.

0 Comentarios: