quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Feliz Natal 2010...

A minha maneira mais simples e cool de vos desejar um Bom Natal.
Não se pode falhar com Alec Baldwin no grande 30 Rock.

Feliz Natal minha gente...


Leia Mais…

domingo, 12 de dezembro de 2010

Manoel de Oliveira...



Será que ele é um vampiro?

Fez ontem, dia 11 de Dezembro, 102 anos de existência.
Um abraço de felicidades e muita saúde.


Leia Mais…

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Lionel Messi...



Se forem ao Youtube e introduzirem "Barcelona vs ________ 2010" (a linha serve para introduzirem qualquer equipa espanhola) verão que em qualquer jogo, Lionel Messi terá marcado um golo ou feito uma assistência fantástica.

Messi é assim mesmo, um génio. Um pequeno gigante que marca e marca e finta e depois ainda tem tempo para marcar mais uma vez. É difícil não traçar comparações com o grande Maradona. Desde a baixa estatura, ao número 10, passando pelo país de origem - Argentina. Parece que o génio de Maradona simplesmente passou de um ser humano para outro. A diferença é que hoje o futebol é muito mais evoluído e Messi prova ser assim um gigante maior e mais completo que Maradona.

É óbvio que Maradona levou o Nápoles (desconhecida equipa de Itália) ao lugar de campeão de Itália por duas vezes e ainda trouxe uma taça UEFA para casa e parece que fez isso tudo sozinho e apenas comparecendo no campo 30 minutos antes do jogo...

Mas quem vê Messi, vê pura genialidade. E isso advém do facto de quando Messi marca, ele faz parecer tudo tão fácil. Mas ele corre que nem um cavalo, faz fintas impossíveis, muitas vezes rodeado por mais de 4 jogadores e ainda tem tempo de marcar. A isso eu chamo pura perfeição...

E é por isso mesmo que me irrito quando vejo as notícias a gritar pela genialidade de Cristiano Ronaldo e que marca mil golos e bate records e mais não sei o quê... Para mim, Cristiano Ronaldo é um parolo com demasiado dinheiro. É um jogador fantástico e com uma técnica do mais alto nível, mas depende apenas de velocidade e de um remate poderoso. Nada mais.



Fazendo a óbvia comparação entre Messi e Ronaldo, fica claro que Messi fica muito à frente (mas por muitas milhas) de Ronaldo. E há outra coisa que aprecio em Messi - a sua humildade. É um garoto que gera milhões ao Barcelona e gera muita alegria aos adeptos, mas consegue manter-se fora das luzes da ribalta e mesmo em campo faz transparecer aquele ar de miúdo que apenas quer jogar à bola e divertir-se com os amigos... Ronaldo transpira arrogância até entre os colegas de equipa (quem não se lembra da birra que fez por não poder marcar um penalty uma vez num jogo do R. Madrid).

Deixo-vos com um dos golos mais bonitos onde Messi (com apenas 19 anos) passa por 6 jogadores (incluindo o guarda-redes) e marca um golo "à Maradona".


Leia Mais…

sábado, 4 de dezembro de 2010

Sting no seu melhor...

Leia Mais…

terça-feira, 30 de novembro de 2010

In Memoriam: Leslie Nielsen



Morreu uma das pessoas que eu mais gostava de ver no grande ecran: Leslie Nielsen.

Eu sabia que mal o via num filme que teria gargalhada garantida. Não pelas piadas, mas pelo seu jeito natural de criar humor físico. Talvez o que eu gostava era do humor misturado com a sua mítica cabeleira branca, o que lhe dava algo de sábio e ridículo.

Já dizia o Dave Chappelle que existem pessoas que nascem com o dom de comunicar humor. Pela sua forma de falar, de gesticular, de fazer humor fisicamente. E Leslie Nielsen tinha esse dom de transmitir uma piada seca, mas transmiti-la com o seu ar sério, virando-a num momento mítico.

Sou adepto incondicional de filmes épicos como Airplane e Naked Gun (para não esquecer o Police Squad files). Estes filmes foram as sementes bravas que deram origem a plantas podres como Scary Movie, Spanish Movie, Superhero Movie e assim essas trampas todas - os ditos spoofs.

Adorava o seu ar olhar sério para situações estranhas como quem pensa: "Há algo de estranho com o que acabou de acontecer" (ver minuto 4:15 e minutos 1:55 até 2:40 do vídeo).


minuto 5:01 - Mítico...

Leia Mais…

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

2 anos sempre a dançar...

Leia Mais…

terça-feira, 9 de novembro de 2010

2º Aniversário: Walking In Cambridge...

Este blog faz hoje 2 anos de vida!


São quase 700 posts e algumas milhares de palavras que eu partilhei na vossa calorosa companhia. Embora o blog esteja um pouco morto, a verdade é que não quero deixar este projecto acabar. Vou tentar ser mais disciplinado...

Obrigado pela companhia...


Leia Mais…

domingo, 7 de novembro de 2010

Cogumelos...

O efeito dos cogumelos mágicos...


Leia Mais…

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Rude Iguana...

Porque vocês até são uma malta porreira, dou-vos esta pérola...


Leia Mais…

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

8 pen...



Cá está meus amigos. Aqui em Cambridge não se brinca.

Um amigo meu aqui do Kings College chamado Volker Schlue (a fazer um Doutoramento em Matemática) teve uma ideia e demorou cerca de 10 horas a passar essa ideia para o papel. Depois disso, chamou um amigo (Michael Fester - outro a fazer Doutoramento em Matemática) que é bom em informática e pediu-lhe para que passasse essa ideia do papel para a realidade. Esse amigo demorou cerca de 2 meses para escrever o programa. O resultado:

8 pen.

É simplesmente uma nova forma revolucionária de escrever nos telemóveis touch (smartphones) em que em vez de aparecer o típico teclado virtual e a gente estar ali a tentar acertar com o dedo na tecla correcta, a escrita torna-se mais intuitiva e fácil de concretizar. Admito que pode demorar algum tempo para aprender, mas depois de termos a prática a coisa flui na boa.

Colocou o vídeo no youtube ontem e hoje já o seu nome aparecia no New York Times como referência. O teste está a ser efectuado nestas 24 horas (ou 48h) em que qualquer utilizador do Android (o "Iphone" do Google) está a oferecer o programa para os utilizadores experimentarem.

Entretanto estive a falar com o Volker e ele estava a dizer que estava nervoso com o resultado. Provavelmente ele irá fazer bastante dinheiro com uma ideia que demorou cerca de 10 horas.

Para mim é fantástico testemunhar estes acontecimentos...

Vamos lá ver se o "8pen" levanta voo e começa a ser algo comum nos smartphones no futuro.

O vídeo aqui: http://www.the8pen.com/

Leia Mais…

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Moonwalk em todo lado...

Este vídeo que vão ver tornou-se viral rapidamente.



Tudo isto para introduzir este fantástico segundo vídeo...



Fantástico..hahahahahah

Leia Mais…

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Drogas...



Li agora uma notícia na BBC News que queria partilhar com vocês.

O antigo "UK chief drugs adviser", Professor David Nutt, lançou um artigo no jornal médico Lancet que demonstra que o álcool é mais prejudicial que a heroína. Antes de saltarem da cadeira, deixem-me colocar o estudo sobre as lentes correctas.

O estudo incide sobre 20 drogas estudadas segundo 16 critérios e para melhorar o resultado, este estudo utilizou a análise de decisões com múltiplos critérios (MCDA).

Estes 16 critérios dividem-se em duas importantes partes:

1. Efeitos prejudiciais para o utilizador (foram utilizados 9 critérios)
2. Efeitos prejudiciais para a sociedade (foram utilizados os restantes 7 critérios)

Dentro dos efeitos prejudiciais para o utilizador, exemplos de alguns dos 9 critérios usados são por exemplo os efeitos negativos para a saúde física e mental do utilizador. E exemplos de efeitos prejudiciais para a sociedade são por exemplo crime, "problemas familiares", danos ambientais e custos económicos.

Então temos 20 drogas que foram analisadas em relação aos problemas que causam ao utilizador e à sociedade.

Analisando o efeito prejudicial em cada um daqueles critérios separadamente então o modelo de estudo demonstrou que a heroína, crack e metilanfetamina (também conhecido por crystal meth) são as drogas mais prejudiciais ao indivíduo, mas álcool, heroína e crack são das mais prejudiciais para a sociedade.

No entanto se combinarmos os efeitos prejudiciais tanto a nível individual como social, então o álcool aparece como a droga que mais efeitos prejudiciais causa a ambos os níveis, seguida da heroína e crack.



Eu penso que a grande razão para o álcool estar acima de todas as outras drogas como a mais prejudicial é devido ao facto de ser vendida em qualquer lado no mundo inteiro. A sua fácil obtenção faz com que as pessoas possam abusar. Além disso, apenas o facto de ser uma droga legal e por isso vendida a qualquer pessoa, faz com que se pense que não é tão prejudicial como as outras drogas, mas se verificarem o gráfico, verão que o álcool aparece em 4º lugar como a droga mais prejudicial ao utilizador.

Curioso é o facto do tabaco ser pior, tanto a nível do indivíduo como social, que a cannabis.

Este estudo serve para alertar as pessoas que qualquer droga é prejudicial ao corpo humano como aqueles que nos rodeiam. Qualquer droga usada fora da área de tratamento médico nunca deve ser usada e qualquer droga causa um efeito diferente para cada utilizador. A mesma quantidade de álcool em duas pessoas diferentes irá causar um efeito diferente. Às vezes, a mesma quantidade de álcool no nosso corpo em duas alturas diferentes, causa um efeito diferente. Parece que às vezes podemos beber 8 cervejas e não sentir grande coisa e outras vezes bebemos 3 e ficamos imediatamente embriagados. Também os efeitos sociais negativos da utilização de drogas é bastante diferente de situação em situação. O gráfico acima ilustrado serve para classificarmos (na medida do possível) os diferentes graus de perigo à luz do utilizador vs sociedade. Por muito que vos queira dizer que experimentar "cogumelos mágicos" seria a droga que menos vos afectaria em termos de toxicidade, não posso garantir que vocês não terão uma reacção nefasta e bater mal da cabeça.

Numa entrevista à rádio, o Dr. Laurence Chuter, diz que cerca de 75% - 80% dos pacientes que entram nas urgências, em Inglaterra, durante o fim-de-semana estão relacionadas com o uso de álcool. Não podemos negar que o álcool é a pior droga que existe porque é legalizada e porque os efeitos no corpo humano (físico e mental) são severos e podem conduzir a situações extremas de violência. É raro ouvir falar de um gajo que fumou cannabis e tornou-se violento. O pior que pode acontecer a um alcoólico é pegar no carro embriagado e espetar-se para cima dos outros carros. Tenho muitos amigos aqui em Cambridge que depois de horas na biblioteca a estudar, pegam num charro e fumam na boa para descontrair a mente e relaxarem um pouco a pressão. Por outro lado, vejo todos os fim de semanas os efeitos do álcool nas ruas de Cambridge. Como já aqui escrevi, os ingleses viram animais quando consomem desenfreadamente litros de álcool.



Para efeitos de curiosidade, deixo aqui uma pequena lista dos efeitos do álcool e os mecanismos que trabalham no cérebro:

1. Alguns copos no início produz um efeito relaxante. É o mesmo que tomar um traquilizante como Diazepam. O exemplo que o Professor Nutt dá é o que acontece nos aviões em que após o avião levantar vôo é servido álcool para relaxar os cerca de 30% de pessoas que têm medo de voar de avião.

2. Seguido ao efeito relaxante vem o efeito de euforia em que dois neurotransmissores estão envolvidos: Dopamina (que é o neurotransmissor que a cocaína tenta imitar molecularmente e torna as pessoas confiantes) e Seratonina (uma droga que aumenta os níveis de seratonina é o famoso anti depressivo Prozac)

3. Se o consumo continua, então o cérebro inicia mecanismos semelhantes ao uso de heroína e faz-nos pensar que tudo é possível e que somos capazes de fazer tudo (e é aqui que vemos aqueles vídeos de idiotas que pensam que conseguem fazer tudo mas depois corre tudo mal e batem sempre com os cornos no chão)

4. A última fase é a da anestesia o que nos faz adormecer completamente, mesmo se existirem ruídos altos ao nosso redor (como numa festa ou assim) e acordar no dia seguinte e não nos lembrarmos o que é que aconteceu. Esta fase pode levar à morte (e.g. condução).


A diferença entre o medicamento e o veneno é a dose.

Leia Mais…

Scene 23

Muito medo...



(thanks to Marta)

Leia Mais…

domingo, 31 de outubro de 2010

Photo L

Vida de cientista é tramada...



(clicar para aumentar)

Leia Mais…

sábado, 30 de outubro de 2010

MACHO!!!!

EU QUERO SER ASSIM UM DIA.


Leia Mais…

Time Traveler...

Se vocês gostam de histórias sobre viagens no tempo, então vão gostar desta. Há vídeo e tudo.
Aparentemente, numa cena de um filme de Charlie Chaplin, em 1928 (há mais de 80 anos atrás) uma misteriosa senhora aparece a falar ao telemóvel.

Não acreditam?
Então vejam o vídeo e fiquem atentos à cena onde aparece uma zebra e reparem na mulher (aos 24 segundos) que aparece andar atrás de um homem.



Agora vejam outra vez e digam-me se não é um bocadinho estranho duas coisinhas:

1. A mão tem quase exactamente a mesma forma como se fosse a segurar um telemóvel;
2. Ela está a falar (o que exclui um rádio ou auscultador).

Tudo vem da cabeça deste gajo que um dia viu o filme e lançou a ideia de que a mulher é uma viajante no tempo.

É óbvio que ele esqueceu-se que para falar ao telemóvel é preciso existirem satélites e antenas de comunicação, o que em 1928 não me parece que existiam. Mas o que é que a mulher está a segurar na mão eu não sei. Também não sei porque é que ela está a falar. Mas pode ser que a mulher estivesse nervosa e a coçar a testa (e a esconder a cara com vergonha da câmara). Ou talvez ela seja um alien disfarçado perdido na Terra a tentar contactar os outros aliens para o virem buscar. Coisa que aconteceu em 1948 mas que correu mal e deu origem ao desastre de Roswell.

Talvez aquela zebra não seja uma zebra, mas seja um burro pintado com riscas...

Leia Mais…

sábado, 23 de outubro de 2010

Fuck You!!!

Não consigo tirar esta música da cabeça. Fantástico!!
E o vídeo clip ainda está melhor...cheio de estilo...


Leia Mais…

Best PRANK EVER!!!!

Leia Mais…

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

O gene cristão...

Leia Mais…

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Scene 22

Apresento-vos a aberração genética que o Neo cagaria caso tivesse feito amor com o Terminator...


Leia Mais…

Diferenças...

O verdadeiro homem matador!Tem tudo: uma arma que parece um canhão, matracas, bigode farfalhudo como se quer num verdadeiro homem que papa as gajas todas e duas mulas aos seus pés rendidas à testosterona do animal.






E este é o oposto...


Leia Mais…

Outro grande investimento...



Cá está meus amigos...

Uma viagem de avião de ida e volta pela módica quantia de 35 euros.
O "país" de destino?

Sicília.


Leia Mais…

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Sydney Brenner...



Hoje a seguir ao jantar no Kings College, seguiu-se uma bela palestra bastante informal com Professor Sydney Brenner. Este ilustre senhor de 83 anos é o pai do mRNA. Foi ele, juntamente com Crick (um dos "pais" do DNA) e outros que descobriram uma das peças que confirmaria o Dogma Central da Biologia Molecular: a informação é originada a partir dos ácidos núcleicos em direcção às proteínas.

Graças a esta grande descoberta, Sydney Brenner ganhou o prémio Nobel de Fisiologia ou Medicina em 2002. E foi hoje que estive a meros passos dele numa palestra (ver foto acima) e no fim, como é costume, apertei a mão ao primeiro Nobel que conheci na vida. Tivemos uma conversa breve mas é mais uma daquelas experiências que não me esquecerei...



Leia Mais…

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Go back...


Leia Mais…

terça-feira, 12 de outubro de 2010

King's College



Como já devem saber (porque não me calo em relação a isto), a Universidade de Cambridge está dividida em 31 Colégios. Para a sua lista completa, cliquem aqui.

Cada um desses colégios é como se fosse uma residência para cada estudante. Aliás, cada estudante tem que receber uma oferta de um dos Colégios, senão não entra na Universidade. Eu recebi do King's College, um dos mais emblemáticos colégios de Cambridge. King's College também é o Colégio mais visitado de Cambridge porque possui uma das mais emblemáticas catedrais do Reino Unido - King's Chapel.



Um pouco como nos contos do Harry Potter, cada colégio tem as suas cores (tal como uma equipa). As cores do meu colégio são o roxo e o branco. Foi fundado em 1441 e é o 8º colégio mais antigo de Cambridge. O mais antigo é Peterhouse com mais de 726 anos de existência.

Este colégio já teve como estudantes grandes nomes internacionais que mudaram o rumo da História do planeta. Entre eles temos Alan Turing (a dar uma contribuição enorme e significativa na 2ª Guerra Mundial ao descodificar a máquina dos Nazis - Enigma) e John Maynard Keynes (o pai da MacroEconomia e cuja linha de pensamento económico está a ser adoptada novamente pelos Estados Unidos e Reino Unido).



O Dinning Hall é também um lugar com uma beleza única. O Dinning Hall será o que se aproxima de uma cantina. É onde se come. Normalmente come-se relaxadamente e casualmente. Mas por vezes temos estes Formal Dinners onde temos que vestir o fatinho e comemos uma refeição composta por 3 pratos e sobremesa. Tudo regado com vinho do bom e com uma sessão musical do coro do King's College.





Como já referi, este colégio tem como simbolo a sua catedral. Enorme e de meter respeito, King's Chapel é vísivel em toda a cidade e é lá dentro que o fascínio começa. Uma das melhores memórias que terei será do dia de inscrição (matriculation day) onde assinamos um documento de honra e onde ouvimos o Reitor do King's College a fazer um pequeno discurso de abertura exclusivo para membros dentro da capela. A foto seguinte retrata esse momento...



Um momento com uma magnitude única e verdadeiramente hollywoodesco...

Aproveito para dizer que todos os dias, quando passo por dentro do King's College, ainda fico espantado e fascinado com a beleza única. Tirei esta foto, com o telemóvel, um dia quando estava a passar pela parte detrás do colégio.



E para finalizar tinha que mostrar aqui uma foto de uma sala de estudo (exclusiva para alunos graduados como eu) em que temos como vista a capela do King's College.


Leia Mais…

O primeiro passo...



Cá está.

A empresa farmacêutica Geron Corporation inscreveu hoje o seu primeiro paciente nos novos testes clínicos para o tratamento de lesões na espinal medula através do uso de células embrionárias estaminais. A primeira fase deste estudo (Phase I) servirá apenas para testar as células estaminais usadas no tratamento clínico em termos de segurança e tolerância para o paciente. Apenas serão usados pacientes que sofreram a lesão recentemente (14 dias máximo).

O presidente da Geron, Dr. Orkahma, diz que este é um marco histórico no tratamento clínico com células estaminais.

Lesões na espinal medula levam à perda de mobilidade motora, perda de sensibilidade e perda de controlo intestinal e da bexiga. Este tratamento estaminal pode vir a ser a resposta para os vários milhares de pessoas que estão presas a uma cadeira de rodas ou a uma cama para o resto das suas vidas.

As células estaminais prometem muito, mas ainda penso que a cura/tratamento definitivo para lesões na coluna vertebral passará por um cocktail de diferentes tratamentos e também muito pela reabilitação...

A esperança é sempre a última coisa a desaparecer....

...e a Humanidade já esteve mais longe...

Leia Mais…

Scene 21

O novo filme de Clint Eastwood...

Leia Mais…

Photo XLIX


Leia Mais…

Darwin's room...



Charles Darwin, esse grande génio do pensamento e pai da Teoria da Evolução, andou a estudar aqui em Cambridge. O seu maior feito foi ter dado à Humanidade a resposta para a pergunta:

de onde vimos?

Pela primeira vez temos uma linha de pensamento e de raciocínio que é capaz de nos demonstrar que afinal vimos de todo o lado e de lado nenhum. Não evoluímos do macaco, mas evoluímos do nosso ancestral mais antigo de todos que é a própria Natureza. Pela primeira vez não estamos sujeitos a explicações sobrenaturais do tipo "ao terceiro dia Deus criou o Homem". A explicação de Darwin é um raciocínio lógico-dedutivo construído de uma maneira tão poética e bela que nos esquecemos que ainda é uma teoria. Temos que deixar a arrogância fora de casa e aceitar que a qualquer dia uma outra explicação possa servir melhor o modelo de evolução ou possa ser uma resposta à pergunta acima enunciada.

Mas como comecei por dizer, Darwin andou a estudar aqui na Universidade de Cambridge, num dos seus colégios - Christ's College. Foi aí que eu fui para ver o seu quarto. Estas são as suas imagens:
(clicar para ampliar)








Vivia-se muito bem naquela altura. Aliás, a Universidade é só para os mais ricos e privilegiados e não era um sistema aberto para todos como é hoje em dia.

Leia Mais…

He's fucked...


Leia Mais…

English nights...



Os ingleses têm muito que aprender em relação ao álcool. O que se tornou típico neste país em beber em bordoada como se não houvesse amanhã é a regra a seguir. Os típicos ingleses serrafeiros e wayne rooney look-a-likes é uma coisa de meter nojo.

Quando chega o fim-de-semana, parece que a cidade se transforma num circo após as 22h. Animais na rua em forma de humanóides com um cilindro de cerveja nas mãos aos berros para tudo o que o cérebro (ou resíduo cerebral) reconhece como bizarro e engraçado de berrar. São aos magotes os labregos na rua que estão aprisionados semanalmente ao seu ritmo laboral e que quando chega o fim-de-semana se vêem livres para libertarem as suas frustrações em forma de destruição social e dimorfismo sexual.

Este sábado, cometi o erro de sair à noite, mas cedo a saída tornou-se numa saída de campo para estudar os comportamentos sociais de um povo mais educado (pelo menos, em comparação com Portugal). Este povo divide-se em duas partes:

1. Masculino
2. Feminino

O povo masculino tem sempre 3 características em comum:

1. Tatuagens > Se o indivíduo não apresentar uma marca parola no braço é porque a tem escondida no seu corpo cheio de seborreia e suor acídico.
2. Cabelo curtinho e oleoso > Já assumi que a oleosidade vem da chuva e da constante humidade nesta terra.
3. O sotaque > Todos eles têm um sotaque labrego e acentuado em que se recorre sempre ao menor esforço possível para transmitir um berro. Exemplos: Shut up torna-se em Shu-up e isn't torna-se em innit.

As mulheres também partilham das mesmas características com excepção para o cabelo. São tipicamente gordas e pálidas e partilham também o dom de berrar sons extremamente agudos, capazes de rebentar com os tímpanos de qualquer um. O vestuário para as meninas segue a regra: menos parece ser o que as putas recomendam. Então lá as vemos andar com um vestido muito justo amarelo florescente curtíssimo a tentar aguentar as banhas da vaca que se passeia com saltos altos vermelhos (cheio de tropeços devido ao alcoolismo e peso mórbido). As unhas estão pintadas de roxo e têm sempre uma carteira prateada metalizada.

Então, a visita de estudo de sábado a noite terminou com um dos tais babuínos ingleses a fazer uma demonstração do seu civismo no meio de toda a gente. Aparentemente, este macaco deficiente decidiu começar um alegre jogo de dar murros nas pessoas à sua volta. Resultado?

Este:



A diferença entre o nosso povo (e devo incluir o povo espanhol e italiano) é que a gente não bebe até ficarmos violentos. Podemos beber até vomitar (caso dos estudantes), mas beber para começar a andar à porrada com gente é raro. Estes ingleses são frustrados e vivem em constante depressão num país em que o Sol não sorri. Num país onde o frio e chuva são o dia a dia, aprisionando estes pobres mentecaptos num trabalho sem luz natural. Nós, on the other hand, somos um povo cheio de luxos. Onde podemos estender aquele intervalo das 15h30 um pouco mais para tomarmos café na esplanada ao Sol. Onde podemos ir à praia até finais de Setembro. Onde podemos sair à noite mesmo no Inverno quando as temperaturas são toleráveis. Onde podemos conviver com amigos sem termos que recorrer ao álcool em excesso porque já somos um povo alegre. É disso que tenho saudades e é disso que me orgulho em ser latino. O resto, é só a gente aprender a ser feliz e trabalhar com produtividade.

Cada dia que passa me apercebo que a diferença entre o topo da Europa com os outros "3º mundo" é relativa. Ainda há muito que aprender de ambos os lados...

Leia Mais…

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Nobel 2010...


E se um dia fosse para mim?

O Nobel da Medicina vai para o pai da fertilização in vitro.“A sua descoberta permitiu tratar a infertilidade, uma condição médica que afecta uma larga proporção da humanidade, incluindo mais de dez por cento dos casais de todo o mundo”, explicou a academia sueca, em comunicado.

Robert G. Edwards é um Professor Emeritus aqui na Universidade de Cambridge.

Leia Mais…

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Quando a pirataria corre mal...




através do Gémeo Mau

Leia Mais…

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Superman reboot...com Nolan à mistura...



Desde novo que fui um grande fan do Superman. Ele é para mim o maior. Tem tudo do catano.
E agora, para meu gozo próprio, foi anunciado que um dos meus realizadores favoritos, o grande Christopher Nolan, vai estar na cadeira de produtor do novo filme do Super-Homem.

Christopher Nolan, para aqueles que vivem numa gruta sem luz nem água, é o realizador do grande Inception que é para mim um dos filmes do ano e um enorme épico! Agora imaginem este homem, que deu a volta à palhaçada que era a saga do Batman do antigamente e fez o reboot para o Batman Begins e o clássico Dark Knight, com o poder de fazer um grande filme com o meu super herói preferido (a seguir ao Clementino dos Diapasão).



Creio que foi ontem ou assim, que foi anunciado que o Nolan está a procura de um realizador. A coisa tem que ser feita rapidamente até 2013, altura em que Warner Bros perde os direitos do Superman para o criador (ou descendentes) Jerry Siegel. Por isso, a bem ou a mal, vai haver filme até lá. A ver vamos se o génio de Nolan vai aparecer e criar um Superman do catano...

Pelo menos que fique mais real que este boneco:

Leia Mais…

Nazi idiots...



Topem só a seguinte história.

Existe este casal polaco. Já namoram há anos e no qual anos mais tarde resolveram ser neo-nazis e skin-heads. Sim, exactamente, decidiram ambos odiar os judeus e ser ultra fascista. O problema é que este casal recentemente descobriu que afinal eram ambos judeus...

...judeus...

Ao que parece, muitos fugitivos judeus da Polónia esconderam a sua verdadeira identidade para escaparem ao terror de Hitler e o que aconteceu foi que este casal ao verificar as suas raízes familiares, viram que afinal eram judeus.

Muito bom!

ps: notícia aqui.

Leia Mais…

Scene 20

Porque gostei de relembrar esta atitude do puto maravilha. Numa altura em que todos o chamam de arrogante, é bonito ver este golo e principalmente ver o público de Alvalade a aplaudir de pé por um golo do adversário...


Leia Mais…

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Photo XLVIII



Esta obra prima está à vista de qualquer um na casa-de-banho (2º andar por cima do bar) do departamento de Biologia da Universidade de Aveiro. Creio que o labrego que escreveu esta obra lírica optou por uma escrita pouco ortodoxa. Logo à primeira o autor tenta atacar o leitor ao descrever a sua tarefa com o ""levo no cú por 5€". Gosto da sua abordagem crua em relação ao seu ganha-pão. Mas depois aborda o leitor com mais classe e distância ao dizer: "Lige-me" como quem se esqueceu do "u" ali no meio (talvez ainda esteja enfiado no cú do autor)...

Leia Mais…

Scene 19



O que dá ter muito tempo livre e bastante imaginação...

Leia Mais…

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Parabéns...

Leia Mais…

The tourist...


Veneza 2006

Veneza, essa cidade eterna. Vivi em Padova (Itália) durante mais de 10 meses e foi lá que fiz o meu Erasmus. Padova fica a 40 minutos (comboio) de Veneza e foi lá que passei grande parte dos meus fins-de-semana.

É impossível conhecer Veneza ao limite, porque é mesmo impossível de conhecer todas as ruelas. A cidade é um autêntico labirinto. Mas é isso que a torna fantástica. Cada vez que se passeia por uma nova ruela, descobre-se uma nova praceta com uma capela toda catita e descobrem-se novos aromas e sensações. Quem quiser optar pela via turística fica também bem servido. É no fim de tudo uma cidade para visitar, sem dúvida alguma.

E é exactamente isso que o filme The Tourist tem de bom.
Passa-se em Veneza e é basicamente isso. Talvez a praça de São Marcos me trará uma lágrima de saudade e nostalgia.

De resto temos Johnny Depp e Angelina Jolie (a dupla maravilha) a actuarem juntos num filme pela primeira vez. Creio que é o método recorrente lá pelos lados de Hollywood. Um produtor berra enquanto bate com a mão numa mesa de reuniões a perguntar quem é a cabra escanzelada que aparece mais vezes nas revistas e qual é o gajo assim que faz suspirar as meninas e mães solteiras. Como a Paris Hilton tinha clamídia e a Lindsey Lohan estava presa e o Robert Pattinson estava a filmar o "Twilight 20 - As férias em família", tiveram que ir buscar a Angelina Jolie e o Johnny Depp. Misturaram tudo muito bem com um guião que se compra numas bombas de gasolina e sai o esterco high-tech que vão ver nas salas de cinema.

Será que há química entre eles? Bem, ela desempenha o papel habitual de puta cara com lábios de broche e ele é o grande Johnny Depp a meter-se em mais um filme comercial que pode resultar ou não. Creio que pelo trailer a coisa vai sair uma espécie de James Bond para casais ou uma poia assim qualquer.

A ver vamos...


Leia Mais…

A divina Trindade...

Se Deus existe, a sua verdadeira trindade é esta:




E Deus está prestes a fazer a sua primeira aparição.

O filme chama-se The Irishman e tem Robert de Niro, Al Pacino, Joe Pesci e Martin Scorcese envolvidos. A história gira à volta de gangsters e mafiosos (terreno familiar para os nossos ilustres amigos) e se realmente aquela gente conseguir fazer o filme, então estaremos perante o melhor filme do Universo. Algo comparável com a segunda vinda do Messias à Terra...

Leia Mais…

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Formal Dinner - Kings College...

Momentos antes do meu primeiro Formal Dinner no Kings College. Significa isto que teremos jantar requintado, coro a cantar lá no topo e também vinho do bom. Significa também que terei que tomar banho...



Amanhã direi mais...

Leia Mais…

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Precisão japonesa...

Vi isto no facebook do meu amigo Tiago e fiquei espantado com a precisão milimétrica destes miúdos japoneses. Reparem com atenção o que eles fazem. É óbvio que a serem ensinados com este tipo de trabalho e coordenação desde putos, eu não fico admirado quando eles inventam Playstations e mais o catano...


Leia Mais…

domingo, 12 de setembro de 2010

O famoso 11 de Setembro...



Isto foi o que eu escrevi no dia 11 de Setembro de 2009, há mais de um ano atrás...E repito as mesmas palavras...

Como já o disse, aquando da morte do Michael Jackson, todos nós nos lembramos onde estávamos no dia em que algo de trágico/extraordinário aconteceu.

Fez este sábado 9 anos do acontecimento que mudou o mundo. A maior potência do mundo foi atacada de forma cirúrgica e devastadora.

Vou deixar de parte as minhas considerações sobre este assunto. Cada um pensa o que quer. No entanto, não posso deixar de referir o curioso facto de nunca terem apanhado o malvado do senhor Osama Bin Laden, mas sim, terem apanhado uma cassete no meio do deserto do Afeganistão (em Jalalabad) que continha a confissão gravada do próprio Osama Bin Laden a referir-se aos ataques de 11 de Setembro.

Curioso também foi o facto do Senador Ron Wyden vir logo dizer que a cassete veio a retirar quaisquer dúvidas que certos países tinham, como o Paquistão, de que os ataques de 9/11 foram um embuste criado por Israel para dar a justificação necessária aos EUA para atacarem os países islâmicos. O Paquistão foi o país errado a suspeitar uma coisa dessas.

Sabem quem é que devia ter suspeitado disso?
O Iraque.

Mas já me estou alongar muito. O ataque aconteceu e o mundo mudou. As guerras já não são travadas em trincheiras mas sim individualmente onde já não se consegue distinguir qual é o bom e qual é o mau.

Leia Mais…