quinta-feira, 16 de setembro de 2010

The tourist...


Veneza 2006

Veneza, essa cidade eterna. Vivi em Padova (Itália) durante mais de 10 meses e foi lá que fiz o meu Erasmus. Padova fica a 40 minutos (comboio) de Veneza e foi lá que passei grande parte dos meus fins-de-semana.

É impossível conhecer Veneza ao limite, porque é mesmo impossível de conhecer todas as ruelas. A cidade é um autêntico labirinto. Mas é isso que a torna fantástica. Cada vez que se passeia por uma nova ruela, descobre-se uma nova praceta com uma capela toda catita e descobrem-se novos aromas e sensações. Quem quiser optar pela via turística fica também bem servido. É no fim de tudo uma cidade para visitar, sem dúvida alguma.

E é exactamente isso que o filme The Tourist tem de bom.
Passa-se em Veneza e é basicamente isso. Talvez a praça de São Marcos me trará uma lágrima de saudade e nostalgia.

De resto temos Johnny Depp e Angelina Jolie (a dupla maravilha) a actuarem juntos num filme pela primeira vez. Creio que é o método recorrente lá pelos lados de Hollywood. Um produtor berra enquanto bate com a mão numa mesa de reuniões a perguntar quem é a cabra escanzelada que aparece mais vezes nas revistas e qual é o gajo assim que faz suspirar as meninas e mães solteiras. Como a Paris Hilton tinha clamídia e a Lindsey Lohan estava presa e o Robert Pattinson estava a filmar o "Twilight 20 - As férias em família", tiveram que ir buscar a Angelina Jolie e o Johnny Depp. Misturaram tudo muito bem com um guião que se compra numas bombas de gasolina e sai o esterco high-tech que vão ver nas salas de cinema.

Será que há química entre eles? Bem, ela desempenha o papel habitual de puta cara com lábios de broche e ele é o grande Johnny Depp a meter-se em mais um filme comercial que pode resultar ou não. Creio que pelo trailer a coisa vai sair uma espécie de James Bond para casais ou uma poia assim qualquer.

A ver vamos...


0 Comentarios: